Duplicação da SP 258 dará novo impulso à economia da região

A duplicação da Rodovia Francisco Alves Negrão deve consolidar o
crescimento econômico de Itapetininga. Essa é a opinião de empresários e
lideranças da região. A estrada que liga o Estado de São Paulo ao Paraná,
será totalmente duplicada entre Capão Bonito e Itararé. “Um ganho para
Itapetininga, que está numa localização privilegiada nesse novo corredor de
desenvolvimento, que liga o porto de Santos, a capital, o centro do Estado até
a região sul e os países do Mercosul. Essa obra vai atrair mais empresas para
a cidade, já que o custo logístico será bastante reduzido”, explica do deputado
Edson Giriboni, que coordenou a Frente Parlamentar pela Duplicação da SP
258 na Assembleia Legislativa e é apontado como o maior responsável por
conseguir essa conquista.
A confirmação do início das obras de duplicação da SP 258 foi feito pelo
vice-governador Rodrigo Garcia em visita à região na semana passada. Ao
lado do deputado Giriboni, Garcia afirmou que as obras devem começar até o
meio do ano, com a duplicação dos entornos urbanos de Itararé e Itapeva e
investimento de R$ 304 milhões. Uma importante obra de infraestrutura que
vai atrair empresas e gerar empregos em toda região, além de garantir mais
segurança aos motoristas e impulsionar o turismo”, comemorou Giriboni. É o
acesso mais rápido e barato entre Minas Gerais e São Paulo com a região sul
e o Mercosul”, lembra José Salim, diretor-presidente da CCR SPVias,
concessionária que administra a rodovia.
A luta pela duplicação da SP 258 foi uma das bandeiras do mandato de
Giriboni, tanto que criou uma frente parlamentar com o apoio de deputados de
11 partidos para trabalhar junto ao governo pela concretização da obra. A
iniciativa deu resultado. Lançada em julho de 2021, num evento em Capão
Bonito com a presença de prefeitos, lideranças da região, a Frente conseguiu a
confirmação de que a obra seria realizada apenas 4 dias depois da sua
primeira reunião. O anúncio foi feito no Palácio dos Bandeirantes, no quando
no lançamento do programa do governo estadual de apoio ao desenvolvimento
da região, o Sudoeste +10.
O trecho que será duplicado tem 104 km e a obra será dividida em três
trechos: duplicação do trecho entre os kms 226+280 e 254+340 da SP 258 –
Capão Bonito ao Trevo Buri (28,06 km); duplicação do trecho entre os kms
254+340 e 280+640 da SP 258 – Trevo Buri a Itapeva (26,30 km); duplicação
do trecho entre os kms 287+900 e 338+110 – Itapeva a Itararé (50,21 km).
Antes, porém, serão realizadas as duplicações nos trechos urbanos de Itararé
e Itapeva, como também a modernização do trevo de Buri. O projeto funcional
da obra foi apresentado ao deputado Giriboni e aos prefeitos da região em uma
reunião realizada em janeiro